O consumidor in loco

Participantes das pesquisas do Instituto Qualibest filmam seus hábitos diários e, com os vídeos em mãos, as empresas podem perceber como seus produtos são vistos pelos consumidores

 

Como é o café da manhã de uma família típica de classe média? A mãe que trabalha oferece o café para o filho ou faz a refeição na escola? Essas e outras tantas perguntas podem ser vistas – e respondidas – por meio de uma ferramenta criada pelo Instituto Qualibest chamado Mergulho Digital. A ideia é oferecer às empresas um estudo que ilustre o comportamento do consumidor através de pequenos vídeos individuais produzidos pelos próprios participantes, geralmente filmados por eles a partir de seus smartphones. O estudo é solicitado pela empresa, e a partir do que pretendem saber sobre um produto, a QualiBest elabora um roteiro e escolhe as pessoas que se adequem ao perfil pretendido, como idade e classe social.

Em seguida, os participantes recebem um guia de perguntas e a partir daí respondem aos questionamentos com liberdade de criar sua própria narrativa. O fato de os pesquisadores não estarem presentes no momento da filmagem possibilita maior naturalidade.

O QualiBest monta o vídeo final,  que pode ter 5, 8, 15 minutos – de acordo com o tempo disponível que o cliente tem para poder veicular sua mensagem dentro da empresa. São editados visualmente e com trilha sonora, tornando a narrativa agradável ao público final, geralmente a seus clientes internos, equipes de marketing, de produto, diretoria e a quem mais interesse ser mostrado pela empresa. Muitas vezes são traduzidos e legendados, uma forma de comunicação poderosa para a equipe internacional, que deseja conhecer um pouco mais do consumidor brasileiro.

A possibilidade de conhecer o consumidor a partir do seu próprio mundo – fora da “sala de grupo” – sempre possibilita novas informações e insights. “Ver sua casa, seu armário, sua família, seu cachorro, conhecer os brinquedos dos pequenos consumidores tendo eles mesmos como guias, permite ir além do que é dito e conhecer o contexto aonde o consumo acontece”, diz Daniela Chammas Daud Malouf, diretora do Qualibest. “Através de um vídeo, por exemplo, podemos ver a dificuldade do consumidor para abrir um produto e observar que a consumidora não entendeu que tem uma trava de segurança”, completa ela.

 

Sobre o Instituto QualiBest

Fundado em 2000, o Instituto QualiBest foi pioneiro no segmento de pesquisas online no Brasil. Filiado à Associação Brasileira de Empresas de Pesquisa (ABEP) e à European Society of Opinion and Marketing Research (ESOMAR), o QualiBest conta com o maior painel online do mercado nacional, totalizando mais de 250 mil consumidores cadastrados em todo o país. O Instituto realiza pesquisas qualitativas e quantitativas com metodologias inovadoras e tecnologias de ponta para desenvolver maneiras eficazes e criativas de estudar comportamentos, preferências e mercados.

 

Fonte: Assessoria de imprensa, adaptado pela equipe do Grupo Mais Food

 

Deixe uma resposta